Para viajar basta existir.


Advertisement
Brazil's flag
South America » Brazil » Paraná » Ilha do Mel
June 25th 2018
Published: June 26th 2018
Edit Blog Post

Ilha do Mel / Paraná, na Pousada das Meninas - Tudo o que Você precisa Saber!



Pense em uma ilha linda, organizada, rústica, simples mas sofisticada. Pensou? Essa é uma ILHA DO MEL. Um lugar muito paranaense, com fácil acesso de barco, praias e muita história. <br style="box-sizing: inherit; color:񑘕 font-family: 'Open Sans', Arial, Helvetica, sans-serif;" />Nesse post vou dar algumas dicas para a Ilha do Mel e ajudar você a conhecer mais esse lugar do sul. Nós fomos para o litoral, partindo de Curitiba , de carro, seguindo por estrada sentido Paranaguá e gastamos cerca de duas horas . A estrada estava boa e tranquila, mas tinha um trecho com obras e desvios, por isso não foi capaz de se comunicar, nem GPS e ficar atento às placas.
Optam pelo porto de Pontal do Sul , que pertence a Paranaguá, de onde saem barcos para a Ilha do Mel para os seus dois destinos: Nova Brasília e Encantadas . A escolha correta está chegando em barco em Paranaguá, mas você pode entrar em contato comigo mesmo com a opção de frete de 15 minutos minutos.
Nós fomos para o litoral, partindo de Curitiba, de carro, seguindo pela estrada sentido Paranaguá e gastamos cerca de duas horas. A estrada estava boa e tranquila, mas havia um trecho com obras e desvios, por isso é bom não confiar cegamente no GPS e ficar atento às placas.Optamos pelo porto de Pontal do Sul, que pertence à Paranaguá, de onde saem barcos para Ilha do Mel para seus dois destinos: Nova Brasília e Encantadas. A outra opção seria pegar o barco em Paranaguá, mas eu, que enjôo muito em viagens longas de barco, nem hesitei em escolher a saída de Ponta do Sul porque o barco levou cerca de 30 minutos, enquanto de Paranaguá poderia chegar a 1h e quarenta minutos.
Ao chegar em Pontal do Sul, fomos logo abordados por várias pessoas dos estacionamentos locais. A dica é não parar logo no primeiro que te oferece porque esses são mais caros e porque, quanto mais perto do porto, melhor.nós conseguimos comprar os bilhetes logo que chegamos e era bem na hora em que o barco estava prestes a sair.Mas se você não der essa sorte, também não é o fim do mundo porque há alguns restaurantes em Pontal do Sul onde você pode sentar e esperar o próximo barco.Antes de embarcar, certifique-se, com a máxima certeza, qual o destino do barco: Nova Brasília ou Encantadas. Não vá pegar o barco errado, hein? Chegamos. Desembarcamos. Pé na areia. E a vibe estava no ar. Relax, natureza, sossego durante o dia, paz... a Ilha do Mel já foi muito famosa no passado por ser reduto dos hippies e dá para entender bem a razão disso: um pedacinho que se destaca da nossa realidade tumultuada, barulhenta, poluída e cheia de medos e violência ... lá é realmente uma fuga disso tudo!E como a ilha não tem carro, a bicicleta (são muitos os pontos de aluguel de bike) é uma ótima opção de locomoção.Você rapidamente se familiariza com a ilha e conhece as praias pelos vários caminhos de areia e trilhas que permeiam o centro.


PRAIAS



A Praia do Farol é bastante procurada pelos surfistas e é a mais próxima do centro da ilha. Tem uma extensão pequena e um visual lindo do farol.

A Praia de Brasília é a praia que você desce se escolhe chegar na ilha por esse lado. Tem águas calmas e quentes, mas com aquele aspecto de óleo pelo tráfego dos barcos. Nada que impeça o mergulho, pois se afastando do trapiche o aspecto e a qualidade da água melhoram bastante. Tem um trecho à direita do trapiche (de costas para a ilha), que a extensão de terra se afunila e você tem acesso à Praia do Istmo. Essa praia tem ondas e um visual bem bonito.

Seguindo pela trilha principal, no sentido centro, você passa pela Praia de Fora, que também é bastante procurada por surfistas. Dependendo do vento que está batendo na ilha, as ondas podem estar melhores nesta região em comparação à Praia do Farol. Estas duas (de fora e do farol), como são as mais próximas do centro, oferecem pousadas mais estruturadas, diversos bares e restaurantes.

QUANDO IR



De todas as dicas para Ilha do Mel, a mais importante, do meu ponte de vista, é quando ir. Sem sombra de dúvidas, o VERÃO é a melhor época para estar na ilha.<br style="box-sizing: inherit;" />Os dias longos nos permitem aproveitar bastante as belezas das praias. Os dias são quentes e as vezes ficam frescos com as famosas chuvas de verão.<br style="box-sizing: inherit;" />*Bom ressaltar que em novembro e dezembro as mutucas dominam a ilha, ou seja: NÃO ESQUEÇA O REPELENTE ou as velas/incensos de citronela.

O outono é também uma boa época para visitar a ilha. Chove pouco, a água fica com temperatura agradável e não fica rechada de turistas.

Na primavera tem dias de sol, mas também tem bastante chuva com vento. A beleza das bromélias e orquídeas espalhadas pela ilha chama a atenção nessa época.



O inverno é marcado pelas neblinas, ventos gelados e água bastante fria. Não é boa ideia, afinal, você estará no sul do Brasil e não é qualquer friozinho.

Advertisement



Tot: 2.62s; Tpl: 0.068s; cc: 7; qc: 44; dbt: 0.0496s; 2; m:saturn w:www (104.131.125.221); sld: 1; ; mem: 1.3mb